Troca de Óleo

A Star Super Troca recomenda fazer a troca de 6 em 6 meses ou KM do lubrificante usado, Portanto, siga rigorosamente as recomendações do fabricante do seu veículo quanto às trocas de óleo de motor. Esse cuidado pode significar uma economia considerável de combustível e maior vida útil para o seu carro.

A troca regular do óleo de seu veículo é fundamental para que ele funcione bem, tenha melhor rendimento e vida longa. Para se ter uma idéia dessa importância, costuma-se fazer uma comparação interessante: pense no motor como sendo o coração do seu carro e no óleo como o sangue bombeado por ele.

Confira respostas para algumas dúvidas freqüentes. Caso tenha mais dúvida, va a uma de nossas lojas e informe-se melhor.

1) O filtro de óleo também deve ser trocado? Quando?

A Star Super Troca recomenda trocar o filtro do óleo toda vez que fizer a troca do lubrificante. O filtro velho fica com resíduos de 20 a 500MLl de óleo usado, em contato com o lubrificante novo da troca de óleo o mesmo é contaminado pelos resíduos que existe no filtro velho perdendo assim até 30% da viscosidade do novo produto.

2) Qual a validade do óleo lubrificante?

A Star Super Troca recomenda em uso no motor do seu carro o período vale de 6 meses ou a 5000/10000/15000/ MIL KM ou equivalente a troca do lubrificante de uso de sua preferência

3) Qual a diferença entre o óleo mineral, semi-sintético e sintético? Eles podem ser misturados?

O lubrificante é composto por óleos básicos e aditivos. Sua função no motor é lubrificar, evitar o contato entre as superfícies metálicas e refrigerar, independentemente de ser mineral ou sintético. A diferença está no processo de obtenção dos óleos básicos.

Os óleos minerais são obtidos da separação de componentes do petróleo, sendo uma mistura de vários compostos. Os óleos sintéticos são obtidos por reação química, havendo assim maior controle em sua fabricação, permitindo a obtenção de vários tipos de cadeia molecular, com diferenças características físico-químicas e por isso são produtos mais puros.

Os óleos semi-sintéticos ou de base sintética, empregam mistura em proporções variáveis de básicos minerais e sintéticos, buscando reunir as melhores propriedades de cada tipo, associando a otimização de custo, uma vez que as matérias-primas sintéticas possuem custo muito elevado.

Não é recomendado misturar óleos minerais com sintéticos, principalmente de empresas diferentes. Seus óleos básicos apresentam naturezas químicas diferentes e a mistura pode comprometer o desempenho de sua aditivação, podendo gerar depósitos. Além disso, não é economicamente vantajoso, já que o óleo sintético é muito mais caro que o mineral e a mistura dos dois equivale praticamente ao óleo mineral, sendo, portanto, um desperdício.

Uma dica interessante se refere à troca de óleo mineral por sintético. É importante trocar o filtro de óleo junto com a primeira carga de sintético e trocar esta carga no período normal de troca do veículo em função da sua utilização.

4) Como devo escolher o lubrificante para meu carro?

Veja a tabelas de aplicações em uma de nossas lojas .

5) Quando devo completar o nível de óleo?

Com o uso do carro, o nível do óleo baixa um pouco devido às folgas do motor e à queima parcial na câmara de combustão. Assim, enquanto não chega a hora de trocar o óleo, devemos ir completando o nível.

6) Escuto dizer que óleo bom é aquele que não baixa o nível e não precisa de reposição. Isto é verdade?

Não. A boa lubrificação é aquela em que o óleo lubrifica até o anel do pistão mais próximo da câmara de combustão onde esse óleo é parcialmente queimado, sendo consumido. É normal um consumo de meio litro de óleo a cada mil quilômetros rodados, com carros de passeio, mas cada fabricante de motor especifica um consumo normal para seu motor, de acordo com o projeto. É bom ressaltar que carro novo consome óleo.



 

© Todos os direitos reservados. Star Super Troca.